Princípios básicos de contabilidade - capacitação da equipe CIRCUS

Na última segunda-feira, dia 9/11/2015 foi realizada no Centro Público de Direitos Humanos e Economia Solidária do Município de São Paulo uma Oficina metodológica de assessoria e formação em contabilidade para cooperativas de reciclagem direcionada à qualificação da equipe técnica prestadora de serviços no âmbito do Programa de Formação e Capacitação de Cooperativas de Catadores/as de Materiais Recicláveis da CIRCUS. O evento contou também com a presença de Patricia Sampaio representante da Assessoria Contábil do Centro Público de Economia Solidária da Prefeitura Municipal de Mauá/SP.


A oficina foi coordenada por João Paulo Lima, assessor contábil do projeto "Economia Solidária com Estratégia de Desenvolvimento" da Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo - SDTE em parceria com a Unisol/SP, que se dedica à Contabilidade Popular na Economia Solidária. Foram abordados os seguintes temas: história da contabilidade, finalidades da contabilidade, relatórios contábeis (balanço contábil e demonstração de sobras e perdas) e análise do escopo básico da prestação de serviços em contabilidade (contrato entre cooperativa e contabilista).


No contexto histórico da formalização dos serviços prestados por cooperativas de catadores, tanto no âmbito dos serviços públicos quanto da logística reversa, a regularidade contábil obrigatória se torna fundamental para a participação das cooperativas em processos de dispensa de licitação para a contratação dos serviços de coleta e processamento de materiais recicláveis (art. 24, inciso XXVII, Lei 8.666/1993), bem como para a contratação por entidades privadas. O objetivo desta capacitação é desenvolver junto às/aos prestadoras/res de serviço da CIRCUS instrumentos para salientar às cooperativas de catadores a importância da contabilidade regularidade fiscal para o processo de contratação.




Siga
nos
  • Twitter Basic Black
  • Facebook Basic Black
  • Google+ Basic Black
Postagens Recentes